Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Geraldo Alckmin afaga Maia e ataca Bolsonaro

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Geraldo Alckmin afaga Maia e ataca Bolsonaro

“Onde é que está a agenda de competitividade desse governo?”, disse o tucano Alckmin.

O ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, criticou duramente o governo do presidente da República, Jair Bolsonaro, nesta sexta-feira (31).

Em seu último discurso à frente do PSDB, durante convenção do partido que elegeu o ex-deputado Bruno Araújo como novo presidente, Alckmin declarou:

“Onde é que está a agenda de competitividade desse governo? Vamos ter coragem de criticar. Pôr o dedo na ferida. Santo Agostinho dizia ‘prefiro os que me criticam, porque me corrigem, aos que me adulam, porque me corrompem’.”

De acordo com o jornal Folha, em um afago ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM), que estava presente na convenção tucana, Alckmin acrescentou:

“Tem a minha solidariedade, Rodrigo Maia, desses oportunistas, políticos por 30 anos, ele e a família inteira, e numa deslealdada vem atacar a vida dos homens públicos, jogando a sociedade contra as suas instituições.”

Arrancado efusivos aplausos da plateia, o tucano completou:

“Não temos duas verdades: a extrema direita e a extrema esquerda. Temos duas grandes mentiras: o petismo e o bolsonarismo.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email