Gilmar atende Flávio no caso das ‘rachadinhas’

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O colegiado decidirá se referenda ou derruba a decisão da Justiça do Rio.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, adiou o julgamento na 2ª Turma, previsto para começar nesta terça-feira (31), sobre o foro privilegiado do senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) na investigação das “rachadinhas“.

O colegiado decidirá se referenda ou derruba a decisão da Justiça do Rio de Janeiro que reconheceu a prerrogativa.

Relator do caso, Gilmar atendeu a um pedido da defesa do senador, que é filho do presidente Jair Bolsonaro.

As informações foram divulgadas pela jornalista Rayssa Motta no portal Terra.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.