Gilmar Mendes libera pedido de liberdade de Lula para julgamento

Gilmar Mendes libera pedido de liberdade de Lula para julgamento
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Caso começou a ser analisado no ano passado, mas decisão havia sido adiada por pedido de vista.

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes, liberou para julgamento, na noite desta segunda-feira (10), um pedido de liberdade apresentado pela defesa do ex-presidente Lula da Silva.

O habeas corpus começou a ser analisado em dezembro de 2018. Após dois votos contra a concessão da liberdade a Lula, Mendes pediu vista, ou seja, mais tempo para analisar o caso.

A expectativa é que o pedido seja analisado nesta terça-feira (11) ou no dia 25 de junho, pela Segunda Turma do Supremo, informa o site G1.

O pedido foi apresentado pela defesa de Lula no ano passado, quando o então juiz federal Sergio Moro aceitou o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro para comandar o Ministério da Justiça.

Como teve a condenação confirmada em segunda instância, no ano passado, Lula foi preso em abril do ano passado e levado para a Superintendência da Polícia Federal em Curitiba (PR).

Em abril deste ano, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) analisou o caso e também manteve a condenação, mas reduziu a pena.

Compartilhe...

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...