Português   English   Español

Globalista fala em ‘guerra’ caso a direita assuma controle da UE

O comissário europeu para Assuntos Econômicos e Financeiros, Pierre Moscovici, alertou que a “guerra” poderia chegar à Europa se partidos anti-establishment vencerem as próximas eleições para o Parlamento Europeu.

Pierre Moscovici se recusou a identificar quaisquer partidos ou políticos, mas se dirigiu a “populistas” e “nacionalistas” em uma reunião do Centro para a Reforma Europeia.

Ele afirmou que os nacionalistas passariam a priorizar suas nações, o que poderia levar à destruição da União Europeia (UE) e potencialmente para “guerra”, relata o jornal Il Giornale.

O comissão da UE declarou:

Se reintroduzirmos divisões entre nós, norte-sul, leste-oeste, e se a prioridade nacional se tornar o modo de pensar da Europa, a Europa vai morrer.

Elevando o alarmismo do seu discurso, ele acrescentou:

Sem a Europa, tenho certeza de que a guerra pode ressurgir aqui.

Os comentários de Moscovici, segundo o Breitbart, foram contestados pelo vice-premiê da Itália e líder direitista da Liga, Matteo Salvini, que disse:

O comissário da UE, Moscovici, em vez de censurar sua França que rejeita imigrantes em Ventimiglia, bombardeou a Líbia e quebrou parâmetros europeus, ataca a Itália e fala sobre vários pequenos Mussolinis pela Europa.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter