Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Golfinhos estão ficando resistentes a antibióticos

Golfinhos estão ficando resistentes a antibióticos
COMPARTILHE

A resistência a antibióticos também foi identificada em golfinhos. E a culpa é dos humanos.

Pesquisadores da Universidade Atlântica da Flórida, nos Estados Unidos, examinou microorganismos causadores de doenças presentes em amostras de fezes, fluidos gástricos e até do nariz de golfinhos.

Mais de 170 golfinhos foram avaliados. As amostras foram coletadas entre 2003 e 2015. Todos eles vivem em um conjunto de lagoas da Flórida chamado Indian River Lagoon. 

O habitat não foi escolhido à toa: a margem do local é densamente populada por humanos e sofre de problemas ambientais, como o descarte de resíduos nas lagoas, informa a revista SuperInteressante.

De todas as amostras retiradas dos golfinhos, 88% apresentou patógenos resistentes a pelo menos um antibiótico.

Os antibióticos usados pelos humanos chegam na água principalmente através do esgoto. Quando entram em contato com os golfinhos, acontece a seleção natural: as bactérias que não são resistentes morrem, e as superbactérias prevalecem.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários