Governo Bolsonaro ordena paralisação da reforma agrária no país

Português   English   Español
Governo Bolsonaro ordena paralisação da reforma agrária no país
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

A medida do governo Bolsonaro também atinge os cerca de 1,7 mil processos para identificação e delimitação de territórios quilombolas.

Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) determinou aos seus servidores a paralisação de todos os processos de aquisição, desapropriação ou outra forma de obtenção de terras para o programa nacional de reforma agrária no Brasil, informa a “Folha“.

Por medida provisória e decreto assinados pelo presidente Jair Bolsonaro, o Incra saiu da Casa Civil da Presidência, onde estava desde 2016, para o Ministério da Agricultura, comandado pela deputada Tereza Cristina (DEM-MS).

No ministério funcionará uma Secretaria de Política Agrária comandada pelo pecuarista e líder ruralista Nabhan Garcia.

Dias atrás, Nabhan afirmou que o governo de Jair Bolsonaro prepara um projeto para revisão de demarcação de terras indígenas e quilombolas, conforme noticiou a RENOVA.

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...