Português  English  Español

Apoie o jornalismo independente!

Governo Bolsonaro quer expandir programa Criança Feliz

Governo Bolsonaro quer expandir programa Criança Feliz
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Representantes de 24 estados e do Distrito Federal assinaram nesta terça-feira (12) documento no qual se comprometem a dar continuidade ao programa Criança Feliz.

Voltado para crianças de até 6 anos de idade, o programa Criança Feliz deverá chegar a 1 milhão de crianças até o final de 2019, segundo o ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Atualmente, atende 519 mil crianças e gestantes do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC).

O objetivo do governo Jair Bolsonaro, ao final dos quatro anos de gestão, em 2022, é chegar a 3 milhões de crianças beneficiadas pelo programa.

O ministro Osmar Terra afirmou:

“O programa Criança Feliz vai na casa, orientar a família, dar suporte à família, a como estimular a criança de forma adequada. Vai ver a situação que a criança está vivendo, as dificuldades que têm e o que pode ser feito de política pública para a família.”

O programa, lançado em 2016, integra as áreas da saúde, assistência social, educação, justiça, cultura e direitos humanos.

Em visitas semanais, técnicos capacitados orientam a população sobre o desenvolvimento das crianças de até 3 anos beneficiárias do Bolsa Família e de até 6 anos que recebem o BPC. As gestantes também recebem atendimento, registra o UOL.

Nesta terça-feira (12), o ministro da Cidadania também confirmou o pagamento do 13º do Bolsa Família neste ano. A medida foi uma promessa de campanha de Bolsonaro, como noticiou a RENOVA.

Compartilhe...

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...