- PUBLICIDADE -

Governo da Itália quer multar ONGs em até 1 milhão de euros

Governo da Itália quer multar ONGs em até 1 milhão de euros
- PUBLICIDADE -

Medidas estão sendo tomadas após barcos de ONGs transportando imigrantes ilegais invadirem águas territoriais italianas.

O partido direitista Liga, do ministro do Interior e vice-premiê da Itália, Matteo Salvini, apresentou, nesta terça-feira (9), um projeto que prevê multas de até 1 milhão de euros a navios que entrarem em águas italianas sem autorização.

A medida está em uma emenda ao Decreto de Imigração e Segurança, editado por Salvini e que já estabelece sanções de 10 mil a 50 mil euros e a apreensão de embarcações que violarem os bloqueios impostos pelo país.

Caso a emenda seja aprovada, o valor mínimo passaria para 150 mil euros, informa a agência ANSA.

O decreto já foi utilizado nas últimas semanas para multar e apreender os navios de duas ONGs que atracaram no porto de Lampedusa sem autorização, a alemã Sea Watch e a italiana Mediterranea Saving Humans.

As sanções, no entanto, não foram suficientes para impedir a ação das ONGs envolvidas com tráfico humano.

A nova emenda da Liga, que ainda precisa do aval do Parlamento, também dá ao Ministério do Interior o poder de proibir o “desembarque ou transporte em território nacional de cidadãos estrangeiros irregulares”.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -