- PUBLICIDADE -

Governo direitista da Polônia faz expurgo na Suprema Corte

- PUBLICIDADE -

Aposentadoria forçada de 27 dos 72 juízes da Suprema Corte e a criação de uma câmara disciplinar judicial são os últimos de uma série de passos adotados pelo partido direitista Lei e Justiça para reformar o Judiciário do país.

O governo da Polônia realizou um expurgo na Suprema Corte na noite desta terça-feira (3), ampliando a confrontação com os globalistas da União Europeia.

O partido governista vem criticando os juízes da Suprema Corte há anos, qualificando-os de obstrucionistas e velhos comunistas.

Após chegar ao poder em 2015, o partido assumiu o controle do Tribunal Constitucional, que tem como função garantir que as leis não violem a Constituição e dar autoridade ao Ministério de Justiça sobre os promotores. Recentemente, vários juízes denunciaram assédio e intimidação.

 

Com informações do Estadão

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -