- PUBLICIDADE -

Governo do Pará substitui delegado que prendeu membros de ONGs

Governo do Pará substitui delegado que prendeu membros de ONGs
- PUBLICIDADE -

“Ninguém pode ser vítima de pré-julgamento ou ter o seu direito à defesa cerceado”, disse o governador do Pará.

Helder Barbalho, governador do Pará, anunciou, nesta quinta-feira (28), a transferência do inquérito que resultou na prisão de quatro membros de ONGs no interior do Estado na última terça-feira (26) para uma delegacia especializada, que fica na capital, Belém.

O inquérito foi tirado do delegado José Humberto de Melo, que afirmou ter “farto material” investigativo sobre a suposta atuação irregular dos ambientalistas, como noticiou a RENOVA.

“O caso requer atenção e toda a transparência necessária”, disse o governador sobre a acusação de que os detidos colocaram fogo no mato na região da cidade turística de Alter do Chão (PA).

“Ninguém está acima da lei, mas ninguém pode ser vítima de pré-julgamento ou ter o seu direito à defesa cerceado”, discursou ainda o político do MDB.

Confira o vídeo:

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -