Governo dobra efetivo das Forças Armadas em Roraima

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O governo de Michel Temer vai dobrar a presença das Forças Armadas em Roraima e enviar ajuda humanitária à região para auxiliar o Estado com a situação dos imigrantes da Venezuela.

As decisões, que incluem a criação de uma medida provisória com uma série de atos normativos, foram tomadas pelo presidente em reunião com ministros, realizada nessa quarta-feira (14/02).

De acordo com informações da Valor Econômico:

O ministro da Defesa, Raul Jungmann, disse que as Forças Armadas vão coordenar todas as ações do governo em Roraima e que o efetivo de militares na região será duplicado, passando de 100 para 200.

“Vão montar um hospital de campanha completo e desviar volantes de motos para ampliar o controle na fronteira de Pacaraima. Essa ação será coordenada por um general de Divisão.”

Segundo o ministro da Justiça, Torquato Jardim, também presente à reunião com Temer, o presidente assumiu uma série de compromissos de ajuda humanitária ao Estado. De acordo com Torquato, “amanhã ou no máximo depois de amanhã”, será editada uma MP “para garantir os meios e os recursos necessários da ajuda federal”.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.