PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Governo entrega vídeo de reunião citada por Moro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

“Determino que incida, em caráter temporário, a nota de sigilo sobre o HD externo”, escreveu Celso de Mello.

A Advocacia-Geral da União (AGU) entregou ao Supremo Tribunal Federal (STF) o vídeo da reunião do presidente da República, Jair Bolsonaro, com o ex-ministro Sérgio Moro e outros membros do alto escalão governamental. 

O vídeo foi enviado na noite desta sexta-feira, 8 de maio. O decano da Corte, ministro Celso de Mello, colocou sigilo temporário sobre o material.

De acordo com a AGU, o vídeo entregue ao STF “contém o inteiro teor” da reunião, “sem qualquer edição ou seleção de fragmentos”. 

Celso de Mello afirmou:

“Determino que incida, em caráter temporário, a nota de sigilo sobre o HD externo encaminhado a esta Corte, no dia de hoje, pelo Senhor Advogado-Geral da União, mediante petição protocolada sob o nº 29.860/2020.”

O magistrado agora aguarda um parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) para decidir sobre o tema.

O decano do STF completou:

“Esse sigilo, que tem caráter pontual e temporário – autorizado pela cláusula inscrita no art. 5º, inciso LX, da Constituição da República, cuja possibilidade de aplicação expressamente ressalvei na decisão proferida no dia 05/05/2020 –, será por mim levantado, em momento oportuno.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.