- PUBLICIDADE -

Governo estuda estratégia para ajudar trabalhadores informais

Guedes fala em expansão da economia de mercado na América Latina

- PUBLICIDADE -

“Economia informal […] teria uma ajuda por algum tempo, algo parecido com um voucher”, disse Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que o governo federal poderá fornecer alguma ajuda financeira para trabalhadores na informalidade.

Em meio aos efeitos da pandemia do novo coronavírus na economia, ao chegar no Palácio do Alvorada, na tarde desta terça-feira (17), Bolsonaro afirmou:

“O que o Paulo Guedes falou para mim hoje é que a economia informal, quem vive da informalidade, teria uma ajuda por algum tempo, algo parecido com um voucher. Está faltando definir o montante e como é que você vai organizar esse pagamento. Essa possibilidade está na mesa.”

Bolsonaro também demonstrou preocupação com os impactos da Covid-19 na economia:

“A economia tem a sua importância nessa crise que se aproxima, mas eu vejo com muito alarmismo. Temos que nos preocupar, mas não com esse alarmismo todo.”

E, como noticiou a RENOVA, acrescentou:

“A minha mensagem é para que não se apavorem. Nós vamos ter que passar por essa onda. Agora, se o pânico chegar no meio da população, tudo fica pior. Eu estou preocupado com a questão humanitária, de vidas, mas também com a questão econômica.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -