Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Governo pede STF reconsidere suspensão de nomeação de Ramagem

Maioria do STF apoia tese que pode anular sentenças da Lava Jato
COMPARTILHE

AGU pede que magistrado do STF reconsidere suspensão de nomeação de Ramagem para PF.

A Advocacia-Geral da União (AGU) pediu, nesta sexta-feira (8), ao Supremo Tribunal Federal (STF) que reconsidere a decisão liminar que suspendeu a nomeação de Alexandre Ramagem para ocupar o cargo de diretor-geral da Polícia Federal (PF).

Ao suspender a nomeação, Moraes levou em consideração o pronunciamento do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, ao deixar o governo, quando acusou o presidente da República, Jair Bolsonaro, de interferência política na PF.

Depois da suspensão da indicação de Ramagem, o chefe do Executivo nomeou o delegado Rolando de Souza para o comando da PF. 

Em pedido ao STF, a AGU afirma que, apesar de ter tornado o ato de nomeação de Ramagem sem efeito, a ação apresentada pelo PDT, na qual Moraes decidiu pela suspensão, não perdeu o objeto e, portanto, ainda pode ser discutida pelo Supremo.

No texto, o advogado-geral da União, José Levi, argumentou que o presidente da República ainda pretende “ver restabelecida a sua prerrogativa constitucional de indicar o diretor-geral da Polícia Federal sem a restrição outrora imposta”.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários