Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Governo quer CPF funcionando como documento único

Governo quer CPF funcionando como documento único
COMPARTILHE

O governo Bolsonaro está finalizando um decreto que abre espaço para uma importante mudança nacional.

Dentro em breve, o Cadastro de Pessoa Física (CPF) passará a permitir que os cidadãos acessem serviços públicos sem a necessidade de outros documentos.

A proposta passa por ajustes e deve ser assinada pelo presidente Jair Bolsonaro nos próximos dias.

A iniciativa partiu do Ministério da Economia e da Controladoria-Geral da União, com o intuito de unificar o atendimento nas bases de dados federais, informa o Olhar Digital.

A proposta prevê que o número do CPF possa ser usado em substituição aos seguintes documentos:

  • Carteira de trabalho;
  • Carteira de identidade (RG);
  • Carteira de habilitação (CNH);
  • Cadastro em programas sociais;
  • Pis-Pasep;
  • Certificado de serviço militar.

No caso da CNH, contudo, o motorista ainda será obrigado a carregar a carteira de habilitação enquanto dirige, sendo que esta é uma exigência legal, registra o TecMundo.

A previsão do governo federal é de que a ideia seja colocada em prática já nessa semana, e estima-se que em um ano, todas as bases de dados sejam atualizadas e adaptadas.

Vale destacar que esse decreto não cria um documento único. Ele apenas força o serviço público a usar o número do CPF como substituto para os documentos citados acima.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários