- PUBLICIDADE -

Governo quer suspender recesso parlamentar para avançar Previdência

Governo quer suspender recesso parlamentar para avançar Previdência
- PUBLICIDADE -

Em busca da aprovação da Previdência, auxiliares de Bolsonaro querem suspensão do recesso parlamentar.

Para conseguir aprovar a reforma da Previdência, integrantes do governo do presidente da República, Jair Bolsonaro, querem suspender o recesso parlamentar marcado para iniciar no dia 18 de julho.

Segundo informações do blog da Andréia Sadi, no site G1, a ideia é que, se aprovada na comissão e no Plenário da Câmara, a tão esperada reforma seja trabalhada no Senado no período de férias, até 31 de julho.

A principal dificuldade do governo será convencer o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), a aceitar a proposta.

Outra opção, segundo o governo, seria adiar a votação da Lei de Diretrizes Orçamentária (LDO), atrasar as férias, e votar a Previdência. A Constituição impede o início do recesso parlamentar até a votação da LDO.

No entanto, se a votação da LDO ocorrer, o recesso nas Casas só será suspenso por maioria absoluta de votos dos integrantes das duas casas, informa o jornal Gazeta do Povo.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -