Português   English   Español

Agência do governo sueco classifica mídias independentes como possíveis “ameaças à democracia”

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Agências de notícias que recusarem seguir a agenda politicamente correta da mídia tradicional estão correndo risco na Suécia.

Uma agência governamental sob controle do Ministério da Defesa da Suécia produziu um relatório intitulado “O Ódio Branco”, onde aponta tendências nazistas nas mídias independentes do país.

O documento deixa claro que o processo de restrição da liberdade de expressão no país está em pleno vapor:

“Pode-se achar que o pluralismo das fontes de informação é uma adição positiva em uma sociedade democrática onde a liberdade de expressão é uma base importante. Mas, este novo tipo de mídia estica os limites desta liberdade e ameaça outros valores democráticos.”

O relatório faz parte de um projeto encomendado pelo governo da Suécia para realizar mapeamentos quantitativos e análises de propaganda extremista violenta espalhadas pela internet e mídias sociais suecas.

 

Com informações de: (1)

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Deixe seu comentário

Veja também...