Português   English   Español
Português   English   Español

Governo vai acelerar privatizações de estatais nos próximos meses

Governo vai acelerar privatizações de estatais nos próximos meses
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

“Muito em 2020, e mais ainda em 2021”, diz Mattar sobre privatizações no governo Bolsonaro.

O secretário especial de Desestatização, Desinvestimentos e Mercados, Salim Mattar, afirmou que o governo Jair Bolsonaro vai acelerar o processo de privatizações de empresas estatais nos próximos meses.

Em entrevista à rádio CBN, nesta segunda-feira (7), Mattar afirmou que as privatizações devem ocorrer “muito em 2020, e mais ainda em 2021”:

“Pela primeira vez na história, nós temos um presidente absolutamente a favor das privatizações, um presidente que deseja ter um mercado com a livre competição, um presidente que deseja reduzir a quantidade de estatais.”

O secretário acrescentou:

“Efetivamente, todas as empresas devem ser vendidas, com exceção das que o presidente, o Congresso e a sociedade julgarem por bem permanecer. E dou o exemplo da Petrobras, da Caixa Econômica e do Banco do Brasil, pois existe hoje um clamor para que essas empresas continuem estatais.”

Mattar completou:

“Temos 17 empresas hoje a serem estudadas para privatização, venda, manejo ou até mesmo extinção. Algumas empresas, como a Casa da Moeda, os Correios e a Eletrobras, dependem de um PL [projeto de lei], ou seja, dependem do Congresso. E o Congresso brasileiro já demonstrou ser absolutamente responsável e sensato, vide a reforma da Previdência na Câmara, onde teve mais de 370 votos.”

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...