- PUBLICIDADE -

Grande parte da mídia é alinhada à esquerda radical, diz Bolsonaro

‘Amazônia é visada pelo mundo todo’, diz Bolsonaro
Imagem: Marcos Corrêa/PR

- PUBLICIDADE -

“A esquerda não respeita a democracia”, diz o presidente Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, reclamou, neste sábado (11), dos ataques que jornalistas alinhados à direita têm sofrido nas últimas semanas.

Em mensagem no Twitter, Bolsonaro saiu em defesa dos jornalistas Leandro Narloch e Luís Ernesto Lacombe — que deixaram, respectivamente, a CNN Brasil e a Band — e dos comentaristas Rodrigo Constantino, da rádio Jovem Pan, e Caio Coppolla, também da CNN.

Bolsonaro disse que os nomes “possuem algo em comum, que é opinião própria e independência”:

“Isso já é suficiente para serem considerados nocivos dentro de grande parte da mídia, hoje completamente dominada pelo pensamento de esquerda radical.”

E acrescentou:

“Não tenho relação com nenhum desses. Inclusive, por diversas vezes, sou alvo de suas críticas. Mas no Brasil formou-se um cenário onde não ser radicalmente crítico a um governo conservador/liberal já é motivo para ilações e perseguições. A esquerda não respeita a democracia!”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -