Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Grupo Globo na mira de inquérito administrativo do Cade

Agência Fitch rebaixa nota de crédito da Rede Globo
COMPARTILHE

O grupo fica proibido de realizar novos contratos de plano de incentivo e de fazer adiantamento.

A Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (SG/Cade) instaurou, nesta quarta-feira (2), um inquérito administrativo para apurar indícios de condutas anticompetitivas pelo Grupo Globo Comunicações.

As condutas teriam acontecido em contratos feitos com agências de publicidade.

A SG/Cade também impôs medida preventiva contra o grupo para impedir danos à concorrência que possam transcorrer das práticas.

Dessa forma, segundo o site Poder360, o grupo fica proibido de realizar novos contratos de plano de incentivo e de fazer adiantamentos, em contratos vigentes ou futuros, a partir da concessão da medida. Também está sujeito ao pagamento de multa se descumprir as obrigações previstas.

Nos “planos de incentivo“, o veículo de comunicação pode estabelecer maneiras adicionais de pagamento às agências, por exemplo, com a bonificação por volume.

Em nota após a notícia circular nas redes sociais, a Globo informou que “está avaliando as medidas legais cabíveis”.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
1 Comentário
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Maria
Maria
1 mês atrás

O Terça Livre destrinchou o que vem ocorrendo, sobre o trato sujo que existe entre a Globo e agências de publicidade. Independente da queda de audiência, é a que sempre leva a maior fatia do bolo. É caso de polícia.

PUBLICIDADE