Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

GSI manterá segurança de Sergio Moro por seis meses

'Não tem nada ali apesar das matérias sensacionalistas', diz Moro
Imagem: Fátima Meira/ Futura Press/ Estadão Conteúdo
COMPARTILHE

Sergio Moro vem recebendo ameaças desde a época em que atuava como magistrado. 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, determinou ao Gabinete de Segurança Institucional (GSI) que mantenha a segurança de Sergio Moro pelos próximos seis meses.

O ex-ministro da Justiça e Segurança Pública recebeu ameaças antes de ocupar o cargo e também durante o período em que foi integrante do governo federal.

Anteriormente, o coordenador da Frente Parlamentar de Segurança Pública do Congresso Nacional, deputado Capitão Augusto, havia enviado um ofício ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, pedindo que a segurança de Moro fosse mantida.

De acordo com a revista Crusoé, o parlamentar disse que Moro “pode ser alvo de ataques contra sua integridade física e de sua família”. 

Augusto citou a atuação de Moro “como juiz na Operação Lava Jato” e as “ações desenvolvidas à frente do Ministério da Justiça e Segurança Pública” como motivos para manter a segurança do ex-juiz.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE