Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Guedes confirma intenção de criar imposto sobre transações financeiras

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Guedes confirma intenção de criar imposto sobre transações financeiras

Imposto sugerido por Guedes seria nos moldes da extinta CPMF. Bolsonaro se mostrou contra.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou sua intenção de criar um imposto federal sobre transações financeiras, como forma de compensar a desoneração da folha de pagamentos.

Após reunião, nesta quarta-feira (21), com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), Guedes declarou:

“O próprio imposto sobre transações foi usado e apoiado por todos os economistas brasileiros no governo FHC. Ele tem uma capacidade de tributação muito rápida e muito intensa. Ele põe dinheiro no caixa rápido, e se ele for baixinho ele não distorce tanto.”

E, segundo o site InfoMoney, completou:

“Podemos propor uma desoneração forte da folha de pagamentos a troco da entrada desse imposto. Se a classe política achar que as distorções causadas pelo imposto são piores que os 30 milhões de desempregados sem carteira que tem aí, eles decidem.”

Em conversa com jornalistas, na manhã desta quarta, ao deixar o Palácio da Alvorada, Bolsonaro afirmou que a reforma tributária já começa perdendo caso proponha a criação de um imposto sobre movimentações financeiras:

“Quem entrar nessa de imposto sobre cheque está pedindo para ser derrotado por antecedência. Entra em campo perdendo por três a zero.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email