Português   English   Español

Guerrilha ELN reivindica atentado contra polícia da Colômbia

Cúpula da guerrilha marxista ELN reivindicou ataque com explosivos que matou cinco policiais e feriu 41 pessoas na Colômbia.

A Frente de Guerra Urbana Nacional da guerrilha afirmou ter cometido o atentado com bomba que aconteceu no sábado (27/01) em um posto de polícia na cidade de Barranquilla através de uma declaração em um site utilizado pelo grupo.

“Atacaram forças policiais da estação San Jose (sic), no sul de Barranquilla (…) Resultado: 5 policiais mortos e mais 43 feridos”, apontou a organização.

As autoridades haviam apontado facções do tráfico de drogas como possíveis responsáveis pelo ataque.

A Procuradoria não quis se pronunciar sobre a possível relação do ELN com o atentado de domingo nem sobre a veracidade do comunicado.

Caso seja confirmada a autoria da guerrilha, o processo de paz ficaria comprometido.

 

 Com informações de: [CorreioBraziliense]

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter