Português   English   Español

Guilherme Boulos diz que PF quer criminalizar MTST

Intimado para depor sobre ocupação do tríplex de Lula, o pré-candidato do PSOL ao Planalto reagiu em sua conta de rede social.

O pré-candidato do PSOL e líder do movimento extremista MTST, Guilherme Boulos, reagiu em seu perfil no Twitter, nesta terça-feira (5), à intimação para prestar depoimento na Polícia Federal (PF) pela ocupação do triplex de Lula no Guarujá, no litoral de São Paulo.

Em abril, extremistas do MTST e da Frente Povo Sem Medo, articulação de outros grupos da esquerda, ocuparam por três horas o imóvel.

De acordo com informações do jornal O Globo:

Juliano Medeiros, que preside o PSOL nacional, também criticou a PF e chamou de “tentativa de intimidação” em nota em sua página do Facebook.

Durante discurso antes de ser preso, no início de abril, no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo, o ex-presidente disse, em tom de brincadeira, para Boulos:

— Já falei para o Boulos mandar o pessoal dele ocupar o apartamento. Já que é meu, então ocupem! – disse Lula.

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Assine nossa newsletter...

Inscreva seu e-mail para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Fique tranquilo(a), assim como você, odiamos spam :) Você poderá remover seu e-mail a qualquer momento.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...