Português   English   Español

Heleno critica fake news contra Michelle Bolsonaro

Heleno critica fake news contra Michelle Bolsonaro
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O general da reserva criticou a matéria da “Folha” que acusa a futura primeira-dama Michelle Bolsonaro de ordenar retirada de imagens católicas do Palácio da Alvorada.


Em entrevista coletiva à jornalistas, o futuro ministro Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, classificou a matéria sobre a retirada de símbolos sacros como uma “notícia mentirosa”.

Heleno garantiu:

Não houve nenhuma determinação da senhora Michelle com relação a isso, muito menos do presidente.

O futuro ministro foi interrompido por um repórter que citou o vice-presidente eleito Hamilton Mourão. O jornalista indagou:

O general Mourão disse à Folha de S. Paulo que as peças iriam para o Palácio do Jaburu. […] O general se equivocou?

O futuro ministro explicou que Mourão pediu para que a imagem de Santa Bárbara, que é patrona da Artilharia Brasileira, fosse levada para o Palácio do Jaburu.

Heleno explicou:

Ele é oficial de artilharia, tem um apreço muito grande pela imagem de Santa Bárbara, pediu para que a imagem de Santa Bárbara fosse levada para o Palácio do Jaburu.

Confira o vídeo da entrevista:

Ao tomar conhecimento desta informação, a “Folha” decidiu publicar uma matéria acusando a futura primeira-dama Michelle Bolsonaro de exigiu a retirada da obras sacras do Palácio da Alvorada, onde a família Bolsonaro vai morar durante a presidência.

Com base no texto da “Folha“, o site “O Antagonista” foi mais além e acusou a esposa do presidente eleito de ter ficado incomodada com as imagens por ser evangélica.

“Evangélica, mulher de Bolsonaro se incomoda com imagens sacras no Alvorada”, diz a matéria de autor anônimo publicada no site.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...