Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Heleno pede por manutenção do ‘equilíbrio entre os Poderes’

Heleno defende revisão de todas demarcações de terras indígenas
COMPARTILHE

“Qual a razão de apreender o celular do presidente Bolsonaro?”, questionou Heleno.

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, defendeu, nesta quinta-feira (28), um equilíbrio entre os Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Em conversa com jornalistas na saída do Palácio da Alvorada, em Brasília, Heleno afirmou que a apreensão do celular do presidente da República, Jair Bolsonaro, não poderia nem ter sido cogitada:

“Tem que ver os dois lados. Vamos manter o equilíbrio entre os Poderes, limitar as atribuições dos respectivos Poderes, é isso que está se pleiteando. No momento que há uma manifestação, não sei de quem, de uma possibilidade de ser apreendido o celular do presidente da República, se nós ficarmos calados, eu principalmente, que sou o responsável pela segurança institucional, parece que eu estou concordando, e sou absolutamente contra isso. Não pode nem ser ventilado.”

O general da reserva disse que “os dois lados” precisam de “harmonia” e “respeito”:

“‘Ah, mas o presidente é um cidadão comum’. Sim, o presidente é um cidadão comum, tanto é que vários já tomaram impeachment. Mas qual a razão de apreender o celular do presidente Bolsonaro? Dê uma razão plausível disso aí? É preciso que as coisas sejam, para os dois lados, seja buscado o equilíbrio, o bom senso, a harmonia, o respeito.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE