Hillary Clinton diz que investigação contra ela seria um “abuso de poder”

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Hillary condenou notícias sobre possível nomeação de procurador-especial para investigar seu envolvimento em negociação que permitiu à Rússia comprar participação na produção de urânio nos EUA.

Em 2010, quando Hillary Clinton ocupava cargo de Secretária de Estado, o Comitê de Investimentos Estrangeiros da administração Obama aprovou que agência russa de energia nuclear, Rosatom, adquirisse uma participação na Uranium One, uma empresa canadense com projetos nos EUA.

A candidata democrata derrotada na eleição presidencial de 2016 declarou sobre o assunto:

Esta história do Uranium One foi debatida inúmeras vezes por membros da imprensa e por especialistas independentes. Não é nada além de uma acusação falsa da administração Trump para evitar que a atenção seja direcionada para eles.

Com informações de: (1)
SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...

SIGA A RENOVA