- PUBLICIDADE -

Huawei alerta Brasil para não seguir Trump sobre 5G

Rede de 5G da Rússia será produzida pela gigante chinesa Huawei
- PUBLICIDADE -

“Em lugares onde houve restrições para Huawei vimos incrementos de preço em infraestrutura”, diz executivo.

Um executivo da Huawei alertou o governo Jair Bolsonaro que restringir a participação da empresa na rede 5G “só vai exclusivamente atrasar o Brasil, impactando os preços de infraestrutura para operadoras, provedores regionais de internet e os consumidores”.

O governo de Donald Trump vem intensificando os esforços para limitar o papel da Huawei no desenvolvimento da nova geração de rede de alta velocidade em território brasileiro.

O embaixador Todd Chapman chegou a citar a disposição dos EUA em financiar a compra de equipamentos de outros fornecedores no Brasil, reporta a agência Forbes.

Em entrevista à agência Reuters, o diretor de cibersegurança e soluções da Huawei, Marcelo Motta, alertou:

“Em lugares onde houve restrições para Huawei vimos incrementos de preço em infraestrutura para operadoras de duas a cinco vezes, muitas vezes inviabilizando os negócios.”

E acrescentou:

“Temos solução preparada para, primordialmente, por meio de software, trazer 5G ao Brasil. E assim que o governo trouxer as novas frequências podemos também usar aplicações pequenas de hardware.”

Inicialmente previsto para março passado, o leilão da 5G foi adiado por conta de preocupações sobre interferência com outros serviços. A expectativa agora é de que ocorra no próximo ano.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -