Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Hungria vai desinfetar dinheiro para conter coronavírus

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Hungria vai desinfetar dinheiro para conter coronavírus
Imagem: Reprodução/Twitter

Todos os países da UE registraram casos de coronavírus. Até o momento, a Hungria confirmou 12.

O Banco Nacional da Hungria anunciou, nesta terça-feira (10), que vai submeter a uma quarentena as cédulas de florim húngaro e outras moedas que circulam pelo país.

A medida está sendo aplicada para desinfetar as notas circulando pelo país em meio à epidemia da nova variante de coronavírus em território europeu.

Durante o processo, as notas são embaladas em película retrátil, armazenadas em um recipiente durante duas semanas e depois submetidas a um breve tratamento térmico entre 160 e 170 graus Celsius.

A Hungria é o primeiro país europeu a utilizar esta tecnologia para evitar a propagação do vírus por meio do dinheiro. O método já foi aplicado na China e na Coreia do Sul.

Epidemiologistas do regime chinês afirmam que o novo coronavírus pode “durar dias” em superfícies onde caem gotículas respiratórias infectadas, incluindo o papel, o que aumenta o risco de contágio se uma pessoa tocar nele e depois esfregar o rosto com as mãos, informa a agência EFE.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email