- PUBLICIDADE -

Imigrantes ilegais invadem enclave espanhol de Ceuta

- PUBLICIDADE -

Cerca de 115 imigrantes invadiram nesta quarta-feira (22) o enclave de Ceuta, na Espanha, pulando a cerca de arame farpado de seis metros na fronteira com o Marrocos e ferindo vários agentes policiais.

Sete guardas de fronteira ficaram levemente feridos por queimaduras por ácido jogado pelos imigrantes ilegais.

“Todo meu apoio às forças de segurança que estão enfrentando de forma exemplar o desafio migratório, especialmente os agentes feridos hoje”, tuitou o presidente do governo, o socialista Pedro Sánchez.

Imagens difundidas pelo jornal “El Faro de Ceuta” mostram jovens africanos festejando por conseguir ultrapassar a cerca, alguns deles agitando bandeiras espanholas ou europeias.

Ceuta e outro enclave espanhol no norte do Marrocos, Melilla, são as únicas fronteiras terrestres da União Europeia com a África.

No final de julho, mais de 600 imigrantes invadiram a cidade em um dia marcado por confrontos particularmente violentos com as forças de segurança, que foram alvo de ácidos e excrementos.

Desde o início do ano, cerca de 3.100 imigrantes entraram nesses enclaves, segundo a Organização Internacional para as Migrações (OIM).

Além disso, mais de 25.000 imigrantes chegaram por mar à Espanha, que já se converteu na primeira porta de entrada para a Europa, superando a Itália e a Grécia.

 

Adaptado da fonte AFP
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -