Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Imigrantes são presos na Grécia por incêndio em campo de refugiados

O governo da Grécia declarou situação de emergência para toda a ilha por quatro meses.

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Imigrantes são presos na Grécia por incêndio em campo de refugiados
COMPARTILHE

O governo de Atenas, na Grécia, anunciou, nesta terça-feira (15), que cinco imigrantes ilegais foram presos acusados de terem iniciado um incêndio no campo de refugiados de Moria, na ilha de Lesbos.

O ministro da Proteção Civil da Grécia, Michalis Chrysohoidis, acrescentou que uma sexta pessoa está sendo procurada pela polícia local.

As prisões “desacreditam a hipótese de que um grupo de extremistas tenham posto fogo no campo”, acrescentou o ministro.

O incêndio que destruiu o campo de refugiados começou na noite de 8 de setembro após um grupo de migrantes se revoltar com os resultados dos testes para o coronavírus.

Por volta de 35 deles teriam resultado positivos, de acordo com relatos da mídia local.

As chamas devastaram toda a estrutura do abrigo e os migrantes ficaram na beira das estradas de acesso ao longo da noite, destaca a agência ANSA.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM