- PUBLICIDADE -

Índia autoriza voos domésticos após dois meses de restrição

Índia autoriza voos domésticos após dois meses de restrição
- PUBLICIDADE -

Os voos domésticos e internacionais na Índia foram suspensos no final de março para conter o coronavírus.

Após dois meses de proibição para combater a pandemia de coronavírus, o governo da Índia autorizou, nesta segunda-feira (25), a retomada dos voos domésticos. 

Agora, a terceira maior economia da Ásia está retomando gradualmente sua atividade econômica. Cerca de 1.050 voos diários, um terço do tráfego habitual, estão sendo retomados¹ a partir de hoje.

O ministro da Aviação, Hardeep Singh Puri, impôs uma série de medidas² estritas no setor, como a obrigação de usar máscaras, medir a temperatura e desocupação compulsória dos assentos intermediários das aeronaves.

No Aeroporto Internacional Indira Gandhi, localizado na cidade de Déli, por exemplo, os viajantes deverão fazer o check-in on-line antes de chegar ao local e, em seguida, digitalizar seus cartões de embarque para entrar no prédio.

Já dentro do avião, a tripulação deverá usar equipamentos de proteção individual para o corpo inteiro, enquanto os passageiros deverão usar máscaras. 

Com base nessas medidas restritivas, por enquanto, não haverá serviço de comida ou bebida dentro das aeronaves.

Referências: [1][2]
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -