Indicado por Trump ao Supremo não abandonará nomeação

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Um desafiante e emotivo Brett Kavanaugh afirmou aos legisladores nesta quinta-feira (27) que não se retirará como indicado pelo presidente Donald Trump à Suprema Corte dos Estados Unidos.

“Não serei intimidado a me retirar desse processo”, disse o juiz Brett Kavanaugh à Comissão de Justiça do Senado. “Eu sou inocente desta acusação” de abuso sexual de décadas atrás, insistiu.

“Minha família e meu nome foram total e permanentemente destruídos por acusações viciosas e falsas”, disse Kavanaugh, lutando contra as lágrimas ao insistir que ele nunca agrediu sexualmente ninguém.

O testemunho de Kavanaugh ocorreu poucos minutos depois do depoimento da professora Christine Blasey Ford, que acusou Kavanaugh de tentar estuprá-la em uma festa de 1982, quando os dois estavam no ensino médio.

A professora não apresentou nenhuma evidência e nenhuma testemunha para comprovar sua denúncia.

 

Adaptado da fonte Estadão

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.