Índios da Venezuela em risco por falta de remédios contra Aids

Idiomas:

Português   English   Español
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Os indígenas da comunidade warao na região do delta do Rio Orinoco estão sofrendo com a falta de medicamentos.


Ao todo, mais de 40 moradores da comunidade morreram de aids ou em razão dos sintomas da doença nos últimos anos.

“Estou muito preocupado. A doença está dizimando esta comunidade”, disse o enfermeiro Rafael Pequeño.

De acordo com informações do Estadão:

Nos últimos anos, em meio a uma grave escassez de remédios e ignorância, o HIV se espalhou rapidamente no delta do Orinoco e acredita-se que matou centenas de indígenas warao que moram em comunidades como a de Jobure de Guayo, em meio à floresta.

Mesmo em melhores circunstâncias, pode ser difícil impedir que a doença se espalhe e se mantenha restrita a uma área. Mas o governo tem ignorado a questão, dizem médicos especialistas e líderes da comunidade warao, deixando que a população enfrente sozinha essa ameaça.

 

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...