Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

‘Inevitável’, diz chefe do Exército de Mianmar sobre golpe de Estado

Min Aung Hlaing
COMPARTILHE

"Este caminho era inevitável para o país”, diz o líder militar do Mianmar.

O comandante do Exército do Mianmar, general Min Aung Hlaing, comentou, nesta terça-feira (2), sobre o golpe de Estado que derrubou o governo de Aung San Suu Kyi

“Este caminho era inevitável para o país e, por isso, tivemos que escolhê-lo”, alegou o general. 

O governo dos Estados Unidos, por sua vez, determinou formalmente que o exército de Mianmar realizou um golpe, o que causará uma redução na ajuda norte-americana ao país asiático. 

Funcionários do Departamento de Estado anunciaram a decisão, que será em grande parte simbólica, já que quase toda a ajuda enviada pelos EUA é direcionada a grupos não-governamentais, que não serão afetados. 

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
3 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários
Polaca
Polaca
1 mês atrás

Até agora não consegui saber se quem saiu era mocinha ou bandida

Paulo
Paulo
Responder  Polaca
1 mês atrás

Os militares em Mianmar conseguiram dar um golpe que desagradou tanto a China (que tem muitos negócios com o governo deposto) quanto os EUA…

Pela imagem abaixo você vê bem quem os Democratas globalistas apoiavam…

https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/7/79/Barack_Obama_and_Hillary_Clinton_at_home_of_Aung_San_Suu_Kyi.jpg/800px-Barack_Obama_and_Hillary_Clinton_at_home_of_Aung_San_Suu_Kyi.jpg

Junior
Junior
1 mês atrás

Parabéns ao General Cabra Macho, foi uma ótima decisão para o País!