Português   English   Español
Português   English   Español

Inflação da Venezuela em 12 meses atinge 46.305%

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Os preços ao consumidor na Venezuela aumentaram 46.305% no período de 12 meses encerrado no mês junho, disse o Congresso de maioria opositora nesta segunda-feira (9).

A hiperinflação do país em crise continua a acelerar em meio a um colapso econômico cada vez mais abrangente.

A ditadura de Nicolás Maduro parou de divulgar indicadores econômicos quase três anos atrás, quando o sistema econômico socialista do país começou a ruir, transformando os parlamentares opositores na única fonte de tais dados.

A inflação de junho subiu para 128,4%, ante 110,1%, o que representa o índice mais alto neste ano, de acordo com o parlamentar opositor Angel Alvarado. O preço dos alimentos subiu 183% em junho.

‘É de longe a pior hiperinflação sofrida por um país latino-americano’, disse Alvarado em uma entrevista.

 

Com informações da Reuters Brasil

Compartilhe_

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email: