Inteligência de Israel frustrou 250 ataques terroristas em 2018

A agência de inteligência interior de Israel, Shin Bet, frustrou cerca de 250 ataques desde o início de 2018.

As tentativas de atentado incluem ataques suicidas, sequestros e tiroteios, anunciou nesta quarta-feira (13) a organização em um comunicado, no qual assegura “estar lidando com muitas e variadas ameaças terroristas”.

‘Junto às ameaças do terrorismo institucionalizado, o fenômeno do terrorista ‘solitário’ foi notório durante os últimos anos’, diz a nota.

Os casos de terroristas que cometem ataques de maneira individual são normalmente “por imitação e inspiração, frequentemente após um discurso extremista e inflamatório nas redes sociais”, e o Shin Bet pode enfrentá-los com “meios tecnológicos, de inteligência e operacionais”, e detectá-los com antecedência, segundo o comunicado.

Recentemente, o Shin Bet também realizou o desmantelamento de uma célula palestina que planejava ataques terroristas contra membros do alto escalão do governo, entre eles o primeiro-ministro, Benjamin Netanyahu, e o prefeito do Jerusalém, Nir Barkat.

Com informações de BOL
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia