PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Internet brasileira quer estudantes cantando o hino nacional nas escolas

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Uma recomendação enviada pelo Ministério da Educação às escolas públicas e privadas do Brasil está gerando bastante controvérsia.

O Ministério da Educação (MEC) enviou um e-mail na segunda-feira (25) para todas as escolas do Brasil com objetivo de estimular o patriotismo através da execução do hino nacional.

Na mensagem eletrônica, que foi direcionada para escolas públicas e particulares do Brasil, o MEC pede que as crianças sejam perfiladas para cantar o hino nacional e que, caso seja possível, o momento deve ser gravado em vídeo e enviado para o governo.

Atualmente, pelo menos uma vez por semana, escolas públicas e privadas de ensino fundamental são obrigadas a tocar o hino brasileiro, de acordo com a Lei 5.700. Também é exigido que todas as instituições de educação ensinem seu canto e sua interpretação.

A iniciativa do ministro Ricardo Vélez Rodríguez foi alvo de críticas intensas por usuários das redes sociais e por membros de veículos da grande mídia, principalmente pela recomendação de leitura de uma carta contendo o slogan de campanha do presidente Jair Bolsonaro.

Em resposta aos comentários negativos sobre a proposta, a internet brasileira decidiu mostrar sua opinião levantando hashtags no microblog Twitter nesta terça-feira (26).

No momento de produção desta matéria, a tag #HinoNacionalSim é o tópico mais comentado do Twitter brasileiro, seguido de perto pela tag #HinoNacionalNasEscolas.

RENOVA exibe alguns dos comentários que estão circulando com estas marcações:

https://twitter.com/Osincerorj2/status/1100338138793328640
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.