Português   English   Español
Português   English   Español

Investidor bilionário acusa Google de colaborar com militares da China

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Investidor bilionário acusa Google de colaborar com militares da China

O pedido foi feito durante palestra na Conferência Nacional do Conservadorismo. Evento foi realizado no último domingo (14).

Peter Thiel, investidor bilionário e membro da diretoria do Facebook, sugeriu que o Google seja investigado pelo governo por estar, supostamente, colaborando com militares da China.

Segundo o site Olhar Digital, o discurso de Thiel na Conferência Nacional do Conservadorismo foi focado em “três perguntas que devem ser feitas” ao Google:

“Número um, quantas agências de inteligência estrangeiras se infiltraram no seu Projeto Manhattan para Inteligência Artificial?”

“Número dois, a administração sênior do Google considera-se completamente infiltrada pela inteligência chinesa?”

“Número três, é porque eles se consideram tão completamente infiltrados que se engajaram na decisão aparentemente traidora de trabalhar com os militares chineses e não com os militares dos EUA… porque eles estão se tornando o tipo mal e racional a curto prazo que, se a tecnologia não sai pela porta da frente, ela é roubada por trás de qualquer maneira?”

O bilionário também acrescentou que essas perguntas “precisam ser feitas pelo FBI e pela CIA, e eu não tenho certeza de como colocar isso: eu gostaria que elas fossem feitas de uma maneira não excessivamente gentil”.

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

CANAL TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...