- PUBLICIDADE -

Investir em ações estrangeiras no Brasil será bem mais simples

Investir em ações estrangeiras no Brasil será bem mais simples
- PUBLICIDADE -

Qualquer tipo de investidor poderá adquirir ações de empresas listadas no exterior negociada pela B3.

Investir em ações de outros países era algo restrito a grandes investidores do Brasil, com poucas exceções.

Felizmente, a partir de 1º de setembro, qualquer investidor poderá investir em ações como Apple, Microsoft, Facebook e Nike.

O investimento poderá ser feito por meio de BDRs não patrocinados. Além de ações, também será possível aplicar dinheiro em fundos de índice (ETFs) estrangeiros e títulos de dívida lá fora, destaca a revista Exame.

BDRs (Brazilian Depositary Receipts) são certificados que representam ações de empresas estrangeiras.

Ao investir daqui do Brasil em uma BDR de uma ação americana, por exemplo, a ação negociada na Bolsa dos Estados Unidos fica depositada e bloqueada em um agente custodiante, garantindo que ela é sua.

Além dessa novidade, as empresas brasileiras que possuem receitas no Brasil mas abriram capital fora do país, como é o caso da XP, Stone e PagSeguro, também poderão negociar suas ações na B3, o que facilita, e muito, o acesso a esses investimentos, destaca o portal UOL.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -