PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Irmã de Kim Jong-un ameaça Coreia do Sul com invasão militar

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Coreia do Norte advertiu romper os seus laços com Seul e ameaçou lançar uma potencial ação militar.

Kim Yo-jong, a influente irmã mais nova do ditador Kim Jong-un, da Coreia do Norte, defendeu, neste domingo (14), a ruptura das relações com a Coreia do Sul e autorizou o Exército a tomar as medidas necessárias.

A declaração¹ da irmã tem um peso ainda maior porque ela é vice-diretora do Departamento da Frente Unida, um poderoso organismo do partido único que gere as relações com o sul.

Com a aprovação do ditador, do partido e do Estado, Kim Yo-jong disse haver instruído as autoridades encarregadas de “assuntos com o inimigo a tomar a próxima ação”.

Horas depois, o governo sul-coreano apelou à Coreia do Norte para que respeite os acordos bilaterais alcançados até agora.

“O governo [sul-coreano] está levando a sério a situação atual e o sul e o norte devem respeitar todos os acordos” que alcançaram anteriormente, afirmou² o Ministério da Unificação da Coreia do Sul.

Referências: [1][2]
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.