Irmão de Requião devolverá R$ 26 milhões ao Porto de Paranaguá

Idiomas:

Português   English   Español
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Vara da Fazenda Pública de Paranaguá seguiu entendimento do TCE, que encontrou uma série de irregularidades na gestão de Eduardo Requião.


A Justiça do Paraná determinou que o ex-superintendente do Porto de Paranaguá Eduardo Requião, irmão do senador Roberto Requião (MDB), devolva R$ 26 milhões para a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA).

A decisão é do juiz Rafael Kramer Braga, da Vara da Fazenda Pública de Paranaguá. Ele deu três dias para o pagamento da multa.

O juiz acatou uma ação movida pela administração atual do porto que, por sua vez, seguiu determinação do Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR).

 

Com informações da VEJA

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...