- PUBLICIDADE -

Irmão de Requião devolverá R$ 26 milhões ao Porto de Paranaguá

- PUBLICIDADE -

Vara da Fazenda Pública de Paranaguá seguiu entendimento do TCE, que encontrou uma série de irregularidades na gestão de Eduardo Requião.

A Justiça do Paraná determinou que o ex-superintendente do Porto de Paranaguá Eduardo Requião, irmão do senador Roberto Requião (MDB), devolva R$ 26 milhões para a Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA).

A decisão é do juiz Rafael Kramer Braga, da Vara da Fazenda Pública de Paranaguá. Ele deu três dias para o pagamento da multa.

O juiz acatou uma ação movida pela administração atual do porto que, por sua vez, seguiu determinação do Tribunal de Contas do Paraná (TCE-PR).

 

Com informações da VEJA
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -