PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Irmãos Miranda vão depor à CPI da Pandemia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Os irmãos vão falar sobe o caso envolvendo a negociação pela vacina Covaxin.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O deputado Luís Miranda (DEM-DF) e seu irmão, Luis Ricardo Miranda, servidor do Ministério da Saúde, vão depor à CPI da Pandemia na próxima sexta-feira (25).

O autor do requerimento é o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

As informações que o Deputado está declinando à imprensa e que trará a esta CPI, são de extremo interesse público. Sua vida e de sua família precisam estar resguardadas”, escreveu Randolfe em mensagem publicada, nesta quarta-feira (23), no Twitter.

O convite surgiu após informações de que o Ministério Público Federal (MPF) estaria investigando uma suposta compra superfaturada pelo governo de Jair Bolsonaro das doses da vacina indiana Covaxin, produzida pela Bharat Biotech.

Na manhã de hoje, o congressista Luis Miranda disse que documentos e prints de mensagens de WhatsApp levados ao presidente Jair Bolsonaro comprovariam a pressão para a compra do imunizante contra Covid-19.

O presidente sabia que tinha crime naquilo“, disse Miranda em entrevista à emissora CNN Brasil.

Quando eu vi que o caso era grave e vi que poderiam ter pessoas envolvidas do alto escalão, fui direto no presidente. Fiz a pedido do meu irmão, que não confiava em ninguém e estava com medo”, acrescentou o deputado.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.