Israel terá nova eleição após Netanyahu não formar coalizão

Idiomas:

Português   English   Español
Israel terá nova eleição após Netanyahu não formar coalizão
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

A decisão foi tomada menos de dois após os israelenses terem ido às urnas para escolher os novos parlamentares.


O Parlamento de Israel aprovou, nesta quarta-feira (29), a própria dissolução e a convocação de novas eleições. O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu votou a favor da medida.

A dissolução foi aprovada porque Netanyahu perdeu o apoio do partido nacionalista Yisrael Beitenu, que integraria a coalizão governista liderada pelo Likud.

Sem conseguir o apoio necessário, Netanyahu admitiu não ter conseguido maioria no Parlamento até o prazo estipulado, que terminou à 0h desta quinta-feira (30), informa o G1.

Dessa forma, os israelenses voltarão às urnas possivelmente no mês de setembro para formar novamente o Knesset – nome dado ao Parlamento Israelense.

Portanto, após este novo desenvolvimento, o país do Oriente Médio terá passado por duas eleições gerais no mesmo ano.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...