Israel utiliza pela primeira vez caças F-35 em operações de combate

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Israel utilizou seus caças F-35 pela primeira vez, tornando-se o primeiro país do mundo a testar o poderio de fogo desses bombardeiros em operações de combate.

O anúncio foi feito pelo comandante da Força Aérea israelense nesta terça-feira (22).

Os “Adir” (“fortes”), nome dos F-35 em hebraico, “estão operacionais e já participam das missões de combate”, declarou o general Amikam Norkin em uma conferência.

“Nós atacamos duas vezes no Oriente Médio usando o F-35, somos os primeiros no mundo a fazer isso”, ressaltou, de acordo com declarações citadas no site da Força Aérea. Ele não forneceu mais detalhes.

De acordo com informações da GaúchaZH:

Nos últimos anos, Israel informou ter atingido dezenas de alvos na vizinha Síria: posições do Exército do regime de Bashar al-Assad, comboios de armas destinadas ao Hezbollah libanês e, mais recentemente, instalações e equipamentos iranianos.

Israel, conhecido por ter o Exército mais poderoso da região, recebeu no final de 2016 seus primeiros F-35, a fim de ajudar a manter sua superioridade militar em uma região onde há muitos inimigos.

No total, o Estado de Israel deve receber nos próximos anos 50 exemplares deste caça construído pelo grupo americano Lockheed Martin. O governo anunciou em dezembro que seus primeiros “Adir” já estavam operacionais.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.