Itália celebra envio de navio com imigrantes ilegais à Espanha

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O ministro do Interior e vice-premier da Itália, Matteo Salvini, comemorou nesta segunda-feira (11) a decisão da Espanha de aceitar o desembarque do navio Aquarius com 629 imigrantes ilegais a bordo.

Para o vice-premiê italiano, o fato é uma vitória:

629 imigrantes a bordo do navio Aquarius em direção à Espanha. Primeiro objetivo alcançado. Vale a pena levantar a voz.

Matteo Salvini acusa as ONGs que atuam no Mediterrâneo de esperarem na costa da Líbia para encher seus navios de imigrantes ilegais:

Queremos colocar fim a esse tráfico de seres humanos. Como levantamos problemas para o Aquarius, o faremos para todos os outros navios.

Já as entidades dizem que essa é uma forma de evitar que essas pessoas morram tentando cruzar o Mediterrâneo em barcos superlotados ou até em botes infláveis.

O Aquarius, operado em parceria pelas ONGs SOS Méditerranée e Médicos Sem Fronteiras, foi aceito pela Espanha, agora governada pelo socialista Pedro Sánchez, após ter sido recusado por Malta e Itália.

 

Com informações de BOL

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.