Itália doará 12 barcos de patrulha para a Líbia

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, anunciou nesta quarta-feira (27) que o país doará mais 12 barcos de patrulha para a Líbia.

O objetivo do governo italiano é dar mais recursos para as autoridades de Trípoli realizarem resgates e fiscalizações no Mar Mediterrâneo.

A medida foi anunciada durante uma sabatina de Matteo Salvini no Parlamento, a primeira desde que ele assumiu o Ministério do Interior, em 1º de junho.

O ministro e líder do partido direitista Liga declarou:

Nós já formamos 213 funcionários da Guarda Costeira da Líbia, e outros 300 podem ser treinados no âmbito da União Europeia.

A Itália já equipou e treinou a Guarda Costeira do país africano, como resultado de um acordo firmado pelo governo anterior. A medida contribuiu para uma redução de mais de 70% no número de imigrantes ilegais que chegam aos portos italianos.

Durante a sabatina, Salvini ainda afirmou que, segundo dados da Organização Internacional para as Migrações (OIM), a Líbia abriga 662 mil deslocados externos provenientes de 40 países, quase o dobro dos 354 mil acolhidos pela Itália.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.