- PUBLICIDADE -

Itália estuda construir muro na fronteira com Eslovênia

Itália estuda construir muro na fronteira com Eslovênia
- PUBLICIDADE -

“Se a Europa não tutela suas fronteiras, seremos obrigados a parar a onda migratória”, disse um governador direitista.

Após ter reduzido drasticamente a imigração ilegal através do Mediterrâneo, o governo da Itália agora estuda a construção de um muro na fronteira com a Eslovênia, no nordeste do país.

Segundo Massimiliano Fedriga, governador da região de Friuli Venezia Giulia, a barreira teria 243 quilômetros de comprimento.

O Ministério do Interior é chefiado pelo vice-premiê Matteo Salvini, do partido direitista Liga, o mesmo de Fedriga.

“Se a Europa não tutela suas fronteiras, seremos obrigados a parar a onda migratória que atravessa outros países da União Europeia com todos os meios”, acrescentou o governador.

O próprio Salvini, dois dias atrás, dissera que, após a redução dos desembarques no Mediterrâneo, seu objetivo seria “vigiar a fronteira a leste”.

As polícias de Itália e Eslovênia iniciarão nesta segunda-feira (1º) um serviço de patrulha bilateral para controlar os fluxos migratórios.

Os dois países fazem parte do Espaço Schengen, área de livre circulação de pessoas e mercadorias na Europa, informa a agência ANSA.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -