Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Itália não será ‘campo de refugiados da Europa’, diz Salvini

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O novo ministro do Interior da Itália, Matteo Salvini, disse no domingo (3) que o “senso comum” é necessário para impedir que o país se torne “o campo de refugiados da Europa”.

Matteo Salvini, recém-nomeado ministro do Interior do governo de coalizão da Itália, viajou para a Sicília, um dos principais pontos de desembarque dos refugiados do país, para enfatizar a plataforma de combate à imigração ilegal que o levou ao poder.

“A Itália e a Sicília não podem ser o campo de refugiados da Europa”, disse ele a uma multidão de apoiadores sob o sol escaldante da cidade portuária de Pozzallo, um centro de migração.

Pozzallo está na linha de frente da crise migratória italiana. A cidade é um dos principais pontos de desembarque dos imigrantes ilegais oriundos do no norte da África e Oriente Médio.

Traduzida e adaptada de Breitbart

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email