Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Itamaraty publica nota de repúdio sobre declarações de Bachelet

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Itamaraty publica nota de repúdio sobre declarações de Bachelet

“O espaço cívico e democrático encontra-se vivo e em expansão no Brasil”, diz o texto do Itamaraty.

O Ministério das Relações Exteriores divulgou, na noite desta quarta-feira (4), uma nota em que demonstra indignação com as declarações feitas pela Alta Comissária da ONU para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, sobre o cenário político do Brasil.

Durante entrevista em Genebra, na Suíça, a representante da ONU disse que ocorreu uma “redução do espaço democrático” no Brasil e denunciou a violência policial no país.

No texto, segundo a agência EBC, o Itamaraty destaca que o Brasil se orgulha da “solidez e da resiliência de sua democracia” e que o país demonstrou notável “estabilidade institucional” que o fez ultrapassar graves julgamentos sobre corrupção.

A nota acrescenta que o presidente da República, Jair Bolsonaro, foi eleito democraticamente com mais de 57 milhões de votos e recebeu mandato da população para “garantir seu pleno exercício do direito à vida, à segurança, à integridade física e à propriedade, entre outros”.

Ao final, o documento reforça que a ONU deveria concentrar esforços em questões mais urgentes evitando precipitações sobre a política interna do Brasil.

Segundo o Itamaraty, o Brasil é um país “onde os três poderes funcionam em absoluta independência e vigora o pleno Estado de Direito.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email